Laticínios Holandês

Como saber se um queijo está em boas condições de consumo

Dairy. Cheese on the table

Para identificar se o queijo ainda está bom para ser consumido, é importante observar alguns aspectos do produto e seguir algumas recomendações.

A melhor forma de saber se o queijo mofado está estragado é verificar se a textura está diferente de quando foi comprado. Mas isso depende também do tipo de queijo.

A seguir, explicaremos como identificar se um queijo está bom ou não para o consumo.   

1. Verifique a sua aparência 

Os queijos frescos, cremosos, ralados e fatiados com mofo na superfície dificilmente podem ser aproveitados, porque fungos e bactérias se espalham rapidamente dentro deles. Por isso, devem ser jogados fora.

Já no caso de queijos duros e curados, como parmesão ou provolone, a superfície estragada pode ser removida e o restante pode ser comido de forma segura. Afinal, esses produtos têm menos umidade, o que dificulta a proliferação dos micro-organismos.

2. Não coma queijo vencido 

Queijo fora do prazo de validade não deve ser consumido, mesmo que pareça estar bom. Nesse caso, o fabricante não pode se responsabilizar mais pela segurança no consumo desse alimento.

3. Preste atenção na embalagem 

Ao escolher o queijo, verifique se a embalagem do produto está íntegra, sem invasão de ar. Isso ajuda a evitar a contaminação. Para preservar as características desse alimento após abrir a embalagem, o ideal é comprar a quantidade exata para uns três ou quatro dias. 

4. Teste o aroma 

Os queijos geralmente possuem aroma suave, exceto os queijos especiais, como o Roquefort e o Gorgonzola, que apresentam cheiro bastante forte. Por isso, desconfie sempre que um queijo estiver com cheiro muito diferente do habitual. Se isso acontecer, evite consumi-lo, mesmo em sua forma cozida. 

5. Verifique a textura 

A textura muda muito de acordo com o tipo de queijo. Por isso, é importante conhecer as suas características. Em caso de dúvida, consulte um distribuidor ou um fabricante especializado para entender exatamente como o queijo deve estar dentro do prazo de validade: mole ou duro, com mofo ou sem mofo, com cheiro forte ou suave, entre outras características.

Caso o queijo esteja com aspecto diferente do que costuma ter, é recomendado jogá-lo fora, mesmo que esteja dentro da validade. Nesse caso, ainda é possível fazer uma reclamação diretamente ao distribuidor, fabricante ou até mesmo ao órgão responsável pelos direitos do consumidor.

Deixe um comentário

Top
h
h

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptat accusantium doloremque laudantium. Sed ut

Follow Us Now