Laticínios Holandês
Fazenda do futuro Laticínios holandês

Como serão as fazendas do futuro?

Fazenda do futuro Laticínios holandês
Fazenda do futuro Laticínios holandês

A população mundial aumenta muito rapidamente. Até 2050, o planeta Terra chegará a 9,1 bilhões de habitantes, 29% a mais do que a atual. Para dar conta de alimentar todas essas pessoas, será preciso aumentar muito a produtividade, o que só será possível com a utilização das novas tecnologias no campo.

De acordo com um relatório da Food and Agriculture, entidade vinculada à Organização das Nações Unidas, a produção global de alimentos terá que aumentar em cerca de 70% para atender a esse crescimento populacional. Para viabilizar esse crescimento, as fazendas terão que se tornar cada vez mais eficientes e produtivas.

Conheça as novas tecnologias usadas na produção de alimentos  

Atualmente, a agricultura e a pecuária contam com uma série de recursos tecnológicos que contribuem para aprimorar os processos agrícolas – de robôs autônomos para ordenha a monitoramento de lavouras por satélite. As novas tecnologias devem transformar o modo como a agricultura industrial usa atualmente a terra, a água, os fertilizantes, os pesticidas e os recursos energéticos.

A previsão dos especialistas é que a fazenda do futuro será totalmente automatizada. O software e a robótica aumentarão a produtividade e tornarão a vida do fazendeiro mais cômoda. Sensores medirão todos os dados necessários para administrar as plantações e gerenciar os recursos naturais. As fazendas serão autossuficientes, e os resíduos se transformarão em energia.

A fazenda do futuro estará totalmente conectada e terá à sua disposição uma infinidade de informações provenientes de diferentes fontes. Tecnologias de ponta serão utilizadas no dia a dia, como Big Dada, Inteligência Artificial, softwares de gestão, drones e sensores capazes de fornecer informações detalhadas sobre cada talhão da fazenda.

Produção de leite será cada vez mais automatizada 

A cada ano que passa, novas tecnologias para a criação e manejo das vacas são lançadas no mercado. Na pecuária de leite, as fazendas contarão com robôs para ordenha das vacas, sistemas de alimentação automáticos, raspadores automáticos para limpeza, sistemas de pesagem eletrônica, brincos de identificação eletrônica, chips implantados nos corpos dos animais e sensores para detecção de doenças.

Além disso, algumas propriedades terão estações de energia movida a biogás, na qual a eletricidade será gerada a partir do esterco produzido pelas vacas. Desse modo, a produção nas fazendas se tornará muito mais sustentável e autossuficiente.

Veja aqui como os robôs já são usados atualmente na pecuária de leite.

Deixe uma resposta

Top
h
h

Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptat accusantium doloremque laudantium. Sed ut

Follow Us Now